Estudo e Trabalho

11 de agosto de 2017

Estude e Trabalhe no Exterior

Já pensou em fazer poder aliar estudo e trabalho durante a sua experiência no exterior? Essa pode ser uma ótima oportunidade de aperfeiçoar o seu inglês, vivenciar situações do cotidiano do país e ter uma experiência completa de imersão na cultura. Assim você também pode entender um pouco mais sobre o dia a dia dos nativos do país que escolheu para o seu intercâmbio.

Uma das maiores vantagens do programa de estudo e trabalho é a possibilidade de custear suas despesas no país, podendo permanecer mais tempo por lá. Além disso, uma experiência internacional de trabalho pode ser um grande diferencial no seu currículo.

PROGRAMAS

Há diversos tipos de cursos para quem deseja estudar e trabalhar em outro país. O mais comum é o curso de inglês geral, onde você pode trabalhar por meio período. Há também a possibilidade de fazer um curso profissionalizante na sua área de atuação (ou em uma outra área que você queira atuar) e obter uma certificação internacional. Consulte as suas opções de cursos e programas conosco!

DESTINOS

Há vários países que permitem que você trabalhe no exterior. Os principais destinos são: Austrália, Canadá, Irlanda e Nova Zelândia. Conheça abaixo um pouco mais sobre as regras para trabalhar no exterior, que variam de acordo com cada país.

Austrália

O estudante pode obter a permissão de trabalho se estiver matriculado em cursos com duração mínima de 14 semanas e carga horária a partir de 20 horas semanais. É possível trabalhar por período integral durante as férias (de 4 semanas).

Se o estudante vai viajar com marido, esposa ou filhos(as), seus familiares acima de 18 anos também recebem a permissão de trabalho, com as mesmas regras aplicadas ao estudante.

Canadá

Estudantes de cursos de idiomas não recebem a permissão para trabalhar no Canadá. Somente alunos matriculados em cursos técnicos, profissionalizantes e de educação superior pelo período de no mínimo um ano podem trabalhar por 20 horas semanais. Nas férias, é permitido trabalhar até 40 horas por semana.

Irlanda

O estudante pode obter a permissão de trabalho se estiver matriculado em um curso com duração mínima de 25 semanas e carga horária a partir de 15 horas semanais – podendo trabalhar até 20 horas por semana no período de aulas e por período integral nas férias (desde que as férias coincidam com os meses de maio, julho, julho, agosto ou entre 15 de dezembro e 15 de janeiro).

Nova Zelândia

O estudante pode obter a permissão de trabalho se estiver matriculado em um curso com duração mínima de 14 semanas. No período de aulas, é permitido trabalhar por até 20 horas semanais. Nas férias, o estudante pode trabalhar em período integral, mas para isso é preciso estar matriculado em um curso com duração superior a 12 meses.

/ END CONTAINER -->